Textual description of firstImageUrl

Natasha Demkina – A Menina com Visão de Raio-X




Depois de uma operação, uma menina de dez anos passou a ter sua visão modificada, sendo capaz de olhar dentro das pessoas. Será que isso é possível? 

Nascida em Saransk, na Rússia em 1987, Natasha Demkina (Natalya Nikolayevna Demkina), com dez anos de idade, desenvolveu uma visão estranha. Ela podia ver dentro de um corpo humano. Isso aconteceu depois que Natasha operou o apêndice.

"Eu estava em casa com minha mãe e de repente eu tive uma visão. Eu podia ver dentro do corpo da minha mãe e comecei a falar sobre os órgãos que eu podia ver. Agora, eu tenho que mudar minha visão regular para o que eu chamo visão médica. Por uma fração de segundo, vejo uma imagem colorida dentro da pessoa e então eu começar a analisar isso ", diz Demkina.


Depois disso, a história de Natasha começou a se espalhar no bairro. As pessoas começaram a se reunir fora de sua casa para descobrir suas doenças. Ao ouvir suas histórias, os médicos em sua cidade natal decidiram testa-la. Natasha foi levada a um hospital infantil local onde corretamente diagnosticou as crianças. Ela usou fotos para mostrar aos médicos. Ela mostrou a um dos médicos uma imagem de seu estômago com algo nele. Era a sua úlcera.


Usando sua visão, ela também corrigiu um diagnóstico errado feito pelos médicos sobre uma mulher  que diziam estar sofrendo de câncer. Natasha a examinou e disse que era apenas um pequeno cisto e não câncer. Após vários exames, revelou-se que a mulher na verdade não tinha câncer.


Histórias de Natasha chegaram ao Reino Unido através do jornal The Sun. Em 2004, Natasha foi trazida para o Reino Unido para testar sua visão. Natasha pôde localizar as feridas de uma pessoa que teve um acidente de carro um ano antes. Na Inglaterra, ela também examinou um médico residente, Chris Steele, do programa de televisão This Morning. Ela falou corretamente sobre as operações que ele sofreu e depois lhe disse que estava sofrendo de cálculos fecais, cálculos renais, pâncreas aumentadas e aumento do fígado. Imediatamente, o médico procurou verificar se todo o diagnóstico feito por Natasha era exato. Ele descobriu que ele tinha um tumor nos intestinos, mas não era fatal.

O Discovery Channel decidiu testá-la em Nova York. Havia sete pacientes e Natasha precisava diagnosticar cinco. Natasha conseguiu diagnosticar apenas quatro e foi informada de que ela havia falhado no teste. Este experimento continua sendo uma controvérsia até hoje. Mais tarde, ela foi testada pelo professor Yoshio Machi do Departamento de Eletrônica da Tokyo Denki University. Depois de definir algumas regras básicas para os testes Natasha foi bem sucedida. Ela identificou um joelho protético e descobriu que uma mulher estava grávida.


Mais tarde, Natasha também começou a cobrar pacientes pelo diagnóstico. Desde janeiro de 2006, a Demkina trabalha para o Centro de Diagnóstico Especial da Natalya Demkina (TSSD), cujo propósito declarado é diagnosticar e tratar doenças em cooperação com "especialistas que possuem habilidades incomuns, curandeiros populares e profissionais da medicina tradicional. Natasha Demkina continua sendo um assunto controverso.

Compartilhe no Google Plus


Sobre Luciana Costa

Blogueira, escritora e life coach. Autodidata aplicada, amo psicologia e filosofia. Gosto de mistérios e curiosidades em geral. Esse blog é parte do que mais gosto de descobrir: os mistérios do mundo.

0 comentários:

Postar um comentário