Textual description of firstImageUrl

Corpo Conservado de 300 Anos Parece Abrir os Olhos




Durante uma filmagem, turista afirma ter visto o corpo conservado de uma criança numa igreja no México abrir e fechar os olhos. Verdade ou mentira?

Uma igreja no México exibe o corpo conservado de 300 anos de uma criança pequena, assassinada tragicamente por seu pai. Um visitante afirma que estava fazendo um vídeo do corpo, quando de repente seus olhos pareciam abrir. O vídeo agora está rodando na Internet e as explicações são controversas, entre farsa e milagre. É uma ou outra coisa?

A igreja é a Catedral de Guadalajara, a menina é Santa Inocência e sua história - tanto antes como depois da morte - é bem conhecida na área. De acordo com a lenda, no início do século XVIII, a menina desafiou as ordens do pai, fez amizade secreta com uma freira e se juntou à Igreja Católica local. Depois de receber a comunhão na igreja, ela voltou para casa para contar ao pai, que imediatamente a esfaqueou até a morte.


Os habitantes locais consideram a menina um mártir e seu corpo teria sido enviado para Roma para ser enterrado nas catacumbas de Santa Círiaca, onde muitos católicos famosos, incluindo São Lourenço de Roma, foram enterrados. Em 1786, seu corpo foi supostamente exumado por um rico sacerdote, que o trouxe para a Catedral de Guadalajara, onde está em exibição, usando o que se afirma ser o seu vestido original de comunhão branca.


Enquanto o corpo parecer realista - mesmo quando não pisca - este não é o único dos famosos santos "incorruptíveis" das igrejas católicas e ortodoxas orientais que evitam a decomposição sem preservação. As santas Catarina de Génova e Bernadette de Lourdes são exemplos alegados disso e sendo os corpos incorruptíveis como um dos dois milagres necessários para que uma pessoa seja feita um santo pelo papa reinante. Este cadáver de Inocência (ou pelo menos o rosto dela - as mãos parecem decompostas) é preservado em cera e nenhum dos dados históricos mostra detalhes de se ela foi encerada logo após a morte ou após o cadáver ter sido exumado e retornado ao México.


É aí que o vídeo dos olhos piscando começa a deixar dúvidas. Se o rosto é feito de cera, não há tecido macio para se mover e nenhum globo ocular para olhar. Há apenas um piscar de olhos e nenhum outro movimento é visto. O vídeo parece mudar de foco antes e depois do piscar. O turista não identificado (descrito como aterrorizado em alguns relatos) não parece ficar perto e nem perguntar a ninguém se eles viram o que viu. Sem muito mais para falar, muitos que observam o vídeo consideram isso uma fraude.

Assista e tire suas conclusões:



Outro detalhe é que também não há menção em nenhuma listagem católica de Santa Inocência ou Saint Inoccence. Existem muitos St. Innocents (masculino) e alguns Pope Innocents (também do sexo masculino), mas sem mulheres com esse nome ou uma variação. Isso é estranho em uma religião que mantém documentação histórica tão detalhada sobre santos e mártires. "Saint" poderia ser apenas um título honorário dado à menina em memória de sua suposta morte trágica relacionada à religião. A Catedral de Guadalajara diz que o cadáver foi certificado como pertencente à Inocência, tornando-se uma relíquia


O que você acha - real, fraude ou alguma outra coisa?


Como com todos os cadáveres que piscam, estátuas sangrando ou chorando e outros fenômenos religiosos estranhos, a prova de um jeito ou de outro não impedirá que os crentes venham com suas câmeras prontas para ver o misterioso cadáver de Santa Inocência.

Compartilhe no Google Plus


Sobre Luciana Costa

Blogueira, escritora e life coach. Autodidata aplicada, amo psicologia e filosofia. Gosto de mistérios e curiosidades em geral. Esse blog é parte do que mais gosto de descobrir: os mistérios do mundo.

0 comentários:

Postar um comentário